6 MÚSICAS SOBRE O MASSACRE DO CARANDIRU DO RAP AO ROCK


Vamos relembrar músicas que abordaram o tema do Massacre do Carandiru


Corpos em caixotes de madeira enfileirados após o Massacre do dia 02 de outubro de 1992 – Foto: Reprodução Estadão

1. Racionais MC’s – Diário de um detento

A música “Diário de um detento” faz parte do álbum “Sobrevivendo no Inferno” de 1997. Brown recebeu de um detento uma carta aonde ele relatava a história do que havia acontecido no dia anterior ao dia que ocorreu a tragédia no Carandirú e adaptou o texto para escrever a música.

2. Fatos Reais – Terror no Carandirú

Em 1993, o grupo Fatos Reais lançou a música “Terror no Carandirú” que fez parte da coletânea “Movimento Hip Hop” que logo ganhou as ruas com grande aceitação pelo público do Rap.

3. Pavilhão 9 – Mandando Bronca feat. Igor e Max Cavallera (Sepultura)

Em 1997, a Banda Pavilhão 9 lançou o álbum “Cadeia Nacional” e a primeira música de trabalho foi o single “Mandando Bronca” com participação especial de Igor e Max Cavallera, na época integrantes da banda de metal Sepultura.

4. Pavilhão 9 – Dominando sua Área

Em 1996, o Pavilhão 9 lançou o álbum “Procurados vivos ou mortos” e uma faixa chamou a atenção, a música “Dominando sua Área” não tem letra mas é uma mixagem do relato de um dos sobreviventes do Massacre, Milton Marques Viana foi abordado pela imprensa logo depois do Massacre e sua voz ficou conhecida nacionalmente após aparecer no Globo Repórter da Rede Globo e foi inspiração para o Pavilhão 9 produzir a faixa.

5. Sepultura – Manifest

Do álbum Chaos A.D. De 1993, A música “Manifest” foi inspirada pelo que ocorreu na Casa de Detenção de São Paulo, no encarte do álbum contém fotos do massacre com vários corpos enfileirados no chão coberto de sangue, uma cena terrível.

6. Pavilhão 9 – Otários Fardados

A música “Otários Fardados” apesar de não tratar especificamente do Massacre do Carandiru, se tornou um hino aqui como a música “Fuck The Police” do N.W.A. nos Estados Unidos, denunciando a ação desordenada e violenta da polícia. O vocal ficou por conta do cantor “Piveti” que soube interpretar com veracidade a indignação do povo contra o abuso de autoridade. A música pertence ao álbum “Primeiro Ato” de 1992 e foi uma explosão quando lançado.

Se preferir ouvir as músicas em sequência, separamos essa playlist pra você:


Faça parte do nosso time de apoiadores, assim nos ajudará a produzir novos conteúdos. Somos uma mídia independente que ama o que faz! Acesse nossa campanha no Apoia.se e contribua conosco! Se preferir fazer uma doação espontânea, nossa conta é: Sala Secreta 3S – Banco do Brasil (001) | agência: 6966-3 | conta corrente: 21.127-3 | CNPJ: 36.126.051/0001-01.

Nossos parceiros e apoiadores terão descontos especiais em todos os produtos da 3SG Store e também em nossos serviços! Entre em contato conosco para maiores informações.

Categorias:HIP HOP, HISTÓRIA, ROCK

Marcado como:, , ,

Deixe sua resposta aqui