OPORTUNIDADES DE INOVAÇÃO EM 2021

Como sinais de novos tempos, as oportunidades de inovação significativas para o ano que começa trazem a reflexão de que é necessário rever posturas para avançarmos como seres humanos

Por Lu Magalhães*

Quando chega o início de um ano, muitas pessoas voltam as atenções para olhar para o futuro – o possível e os amanhãs que podemos construir. Muitos consultam os horóscopos, cartas, tarôs, numerologia e profetas de diferentes religiões em busca de previsões que os preparem para o porvir.  Com essa perspectiva de investigar – mas de maneira diferente, mais alinhada ao meu perfil – acessei um conteúdo produzido pela equipe da consultoria de tendências TrendWatching, que compilou 21 oportunidades de inovação significativas para 2021. Claro, fortemente orientadas por tudo que estamos vivenciando em 2020. Gostaria de destacar, aqui, o que classifico como sinais de novos tempos, ou seja, o que enxergo como prova inequívoca de que estamos revendo valores e comportamentos diante não apenas de uma pandemia, mas perante a reflexão de que é necessário rever posturas para avançarmos como seres humanos.

Recalibração de Normas é a primeira tendência que gostaria de comentar. Ela aponta que há muita gente disposta a abraçar o novo e suas diferentes formas de manifestação – em gênero, mídia e educação. Como exemplo, cita Kyne Santos, uma drag queen filipinacanadense e influenciadora de Matemática. Em seus vídeos no TikTok e YouTube, ela ensina os seus mais de 790 mil seguidores sobre história da disciplina e mostra como identificar estatísticas enganosas destacadas pela mídia. E faz tudo isso vestida de maneira glamorosa. O importante nessa narrativa é o combate a preconceitos com a produção de conteúdo relevante e um posicionamento propositivo. No futuro, aponta o report, as pessoas deverão estar atentas a essa nova forma de se comunicar.

Em Mindsumers, o relatório destaca a iniciativa do Fifth Third Bank, que realizou uma campanha nas mídias sociais para desencorajar as pessoas a comprar por impulso, depois de ver anúncios nos feeds de notícias. A proposta foi substituir essas comunicações de produtos por mensagens sobre a importância da educação financeira; a ideia é incentivar os consumidores a pouparem dinheiro. A terceira tendência que destaco é a OMNI-Acessibilidade que traz o exemplo do Royal National Institute of Blind People, do Reino Unido, que criou um protótipo do primeiro teste de gravidez acessível para pessoas com deficiência visual. Os resultados são táteis para que a mulher cega não precise de outra pessoa, ou seja, possa escolher ser a primeira pessoa a saber, vivenciando esse momento com privacidade.

Acredito que, em 2021, essas movimentações ficarão ainda mais fortes, porque há sinais relevantes de um esgotamento de modelos – sobretudo os conservadores. Óbvio que vemos forças contrárias no mundo, ainda querendo manter as coisas como estão, mas há um tsunami de inovação, inclusive de costumes, chegando com uma clara mensagem de que precisamos superar preconceitos e juízo de valor. Sejamos mais abertos aos novos tempos! Feliz ano novo!

Lu Magalhães é presidente da Primavera Editorial, sócia do PublishNews e do #coisadelivreiro. Graduada em Matemática pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), possui mestrado em Administração (MBA) pela Universidade de São Paulo (USP) e especialização em Desenvolvimento Organizacional pela Wharton School (Universidade da Pennsylvania, Estados Unidos). A executiva atua no mercado editorial nacional e internacional há mais de 20 anos.

Deixe sua resposta aqui