LIVE COM INSTITUTO MARIA DA PENHA IRÁ DEBATER VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER

Evento online na sexta-feira (16/10) marca o lançamento do projeto Mulheres do Nosso Bairro, rede de iniciativas para dar apoio e geração de renda em tempos de pandemia

O “Enfrentamento à Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher e os impactos do Isolamento Social (Pandemia COVID-19)”, ganha evidência na LIVE promovida pela ENGIE, em parceria com o Instituto Maria da Penha.

Marcado para sexta-feira (16/10), às 14 horas, o evento terá transmissão aberta por meio do canal do YouTube do Projeto Mulheres do Nosso Bairro, e vai contar com palestra da superintendente e co-fundadora do Instituto Maria da Penha, Conceição de Andrade, além da presença virtual de Maria da Penha por meio de uma mensagem feita especialmente para a ocasião pela presidente e co-fundadora do instituto.

Fundado em 2009, o Instituto Maria da Penha (IMP) é uma organização não governamental sem fins lucrativos, e o seu surgimento está diretamente ligado à história de vida de Maria da Penha, que se tornou um símbolo de luta no combate à violência doméstica contra a mulher. O instituto é um dos parceiros da ENGIE Brasil Energia no Projeto Mulheres do Nosso Bairro, que consiste em uma rede de iniciativas para dar apoio e geração de renda às mulheres em tempos de pandemia da Covid-19.  

O início do projeto é marcado pelo lançamento do edital de projetos, que começa a valer a partir do dia 16 de outubro e tem por objetivo selecionar e apoiar com recursos financeiros, empreendimentos e iniciativas de lideranças femininas que gerem renda. Ao todo, serão financiados até 25 projetos.

Para cadastrar um produto ou serviço na plataforma online, bem como participar das demais ações do projeto, basta acessar o site  www.mulheresdonossobairro.com.br, a partir do dia 16 de outubro.

LIVE

Entre os principais tópicos que serão abordados durante a LIVE, destaque para as razões da necessidade de uma lei para coibir a violência doméstica, como funciona a lei Maria da Penha, os tipos de violência e como identificar, o ciclo e os mitos da violência e quais são os principais canais de denúncias e atendimento às mulheres.

Também serão discutidos os impactos do isolamento social por conta da Covid-19 na vida das mulheres e o aumento dos índices de violência doméstica durante o período. Segundo dados do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMDH), a quantidade de denúncias de violência contra a mulher recebidas no canal 180 aumentou quase 40% durante a pandemia.

Para participar da Live, basta acessar o link, aqui 

SERVIÇO

LIVE: “Enfrentamento a Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher e os impactos do Isolamento Social (Pandemia COVID-19) ”.  
QUANDO: 16 de outubro | Horário: 14 horas
ONDE: Transmissão Canal no YouTube do projeto Mulheres do Nosso Bairro, clique aqui | Duração: 50 minutos

Imagem: Divulgação

Acompanhe as nossas publicações no site e redes sociais. Contamos com o seu apoio, compartilhe os nossos conteúdos ou contribua conosco para continuarmos gerando conteúdos para vocês no Apoia.se! Caso  não possa nos  apoiar mensalmente, você pode contribuir com qualquer valor efetuando um depósito para o Sala Secreta 3S no Banco do Brasil  | Agência: 6966-3  | Conta Corrente: 21.127-3 | CNPJ: 36.126.051/0001-01 

Nosso Muito Obrigado, equipe Sala Secreta!
Para mais informações, envie  email para: 
imprensa@salasecreta3s.com

Deixe sua resposta aqui